PIRACICABA, TERÇA-FEIRA, 27 DE SETEMBRO DE 2022
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

03 DE JANEIRO DE 2022

Vereador reúne-se com titular da Semac e faz balanço de atividades.


Relação de atividades foi apresentada ao vereador Laércio Trevisan Jr. nesta segunda-feira (3).



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Assessoria parlamentar (1 de 2) Salvar imagem em alta resolução

Em 2021 foram aproximadamente 404 mil interações artísticas entre público presencial e virtual.

Em 2021 foram aproximadamente 404 mil interações artísticas entre público presencial e virtual.
Foto: Assessoria parlamentar (2 de 2) Salvar imagem em alta resolução

Em 2021 foram aproximadamente 404 mil interações artísticas entre público presencial e virtual.

Em 2021 foram aproximadamente 404 mil interações artísticas entre público presencial e virtual.
Foto: Assessoria parlamentar Salvar imagem em alta resolução

Em 2021 foram aproximadamente 404 mil interações artísticas entre público presencial e virtual.



O vereador Laercio Trevisan Jr. (PL) reuniu-se nesta segunda-feira (3) com o secretário municipal da Ação Cultural, professor Adolpho Queiroz, que apresentou um balanço das atividades desenvolvidas pela Semac em 2021 e apresentou o planejamento para o ano de 2022.

Parque do Engenho Central: limpeza e manutenção de todos os barracões, com a retirada de mais de 100 caminhões de entulhos e materiais inservíveis; limpeza ao entorno das chaminés que serão restauradas em 2022; poda de árvores; constante serviço de capinação e limpeza geral; reorganização administrativa com a instalação da sede da diretoria do parque junto à oficina e setor de frota e logística, além da instalação da sede do Codepac, do Comcult, do Centro de Documentação Cultural e Políticas Negras, do Salão do Humor e do Museu da Imagem e do Som – MIS.

O vereador Trevisan Jr. é autor de inúmeras reinvindicações solicitando os serviços de limpeza, manutenção e conservação nas dependências do parque do Engenho Central, tendo em vista a importância histórica, cultural e turística do local. Além disso, foi viabilizado o fechamento do bosque, com a instalação de portão, devido a questão de segurança pública do local, além da recuperação da ponte que dá acesso ao parque, realizada pela Sema.

Segurança: em parceria com a Guarda Civil, foi possível disponibilizar um trailer, o qual foi instalado ao lado da Ponte Pensil, na entrada do parque do Engenho Central, onde ali permanece um Guarda Civil 24 horas por dia. Além disso, após solicitação do vereador Laercio Trevisan Jr. à Semuttran, a titular da pasta realizou a doação de uma motocicleta 300 c.c., a qual foi destinada ao Parque do Engenho Central para uso no patrulhamento preventivo nas dependências do parque por parte da Guarda Civil.

Visando garantir maior segurança aos frequentadores do Engenho Central e do Parque do Mirante, o parlamentar intermediou a reforma da antiga base da Guarda Civil localizada na Praça Antônio Benites, a qual será reativada a princípio como um Ponto de Apoio, assim como, viabilizou um veículo oficial da Semac, que será utilizado pela Guarda Civil para patrulhamento em todo o completo do Mirante/Engenho. Também foi solicitado estudos visando a instalação de câmeras de monitoramento no Mirante, no Engenho e nas imediações da Ponte Pênsil.

Parque do Mirante: Desde o início da atual Administração, o Parque do Mirante que possui mais de 11.000 metros quadrados vem recebendo inúmeros serviços de conservação e limpeza, tais como, poda de árvores, capinação, recolhimento de lixo, além dos serviços de reparos no córrego do véu da noiva, que apresentava problemas de infiltrações. Além disso, a parte dos sanitários recebeu nova pintura e foi solicitada junto à Sedema a pintura de todas as muretas do Parque do Mirante.

Ressalta-se os trabalhos de revitalização e reativação do chafariz na Praça Antônio Benites, na entrada do parque, além da pintura e manutenção da marquise e a reforma da antiga base da Guarda Civil que será reativada. A iluminação do parque do mirante também foi substituída, com a instalação de 80 novos conjuntos de luminárias do tipo LED, garantindo melhor iluminação, maior segurança e economia de energia.

Meio Ambiente: Após solicitação do vereador Laercio Trevisan Jr., a Sedema realizou os serviços de poda de árvores em todo do complexo do Parque do Mirante, na Avenia Maurice Allain, na Rua Maria Maniero e na Avenida Sérgio Caldario, assim como, em alguns pontos do Engenho Central. Além disso, a Sedema vem colaborando com os serviços de limpeza de todo o complexo, que há anos permaneceu em situação de total abandono.

Museu Prudente de Moraes: Durante o ano de 2021, houve uma interação entre público virtual e presencial de 98.841 pessoas, inclusive com a realização de exposições, palestras, eventos musicais e visita de alunos de escolas públicas e particulares. Recentemente, a Caixa Econômica aprovou o projeto para reforma e melhorias nas dependências do Museu e as obras serão realizadas em 2022, devidamente aprovadas pelo Codepac, Condephat e Iphan. Além disso, após solicitação do vereador Trevisan, o Museu recebeu os serviços de poda das palmeiras, além de pequenas manutenções elétricas.

Teatros Municipais: O Teatro Municipal Dr. Losso Netto teve aproximadamente 13 mil espectadores, entre a Sala 1, Sala 2 e Hall. Já o Teatro Erotides de Campos recebeu público de 9.000 espetadores. Além disso, deve-se ressaltar os trabalhos de limpeza, conservação e manutenção destes espaços. No Teatro Dr. Losso Neto, destaca-se os trabalhos de reparos e substituição da iluminação externa, realizada pela Semob e os trabalhos de limpeza, poda de árvores e de palmeiras, realizada pela Sedema, demandas estas encaminhadas pelo Vereador Laercio Trevisan Jr. Além disso, o telhado do Teatro Erotides de Campos será reformado em 2022.

O Fentepira (Festival Nacional de Teatro de Piracicaba), que tem como objetivo incentivar a produção teatral, apresentou de forma virtual, entre os dias 22 e 29/11, 12 espetáculos com um público estimado em 1.517 pessoas. A Companhia Estável de Dança de Piracicaba (Cedan), que possui em seu corpo 20 bailarinos fixos, realizou quatro apresentações nos teatros municipais Dr. Losso Netto e Erotides de Campos e duas na cidade de Iracemápolis, alcançando 3.800 pessoas. Já a Companhia Estável de Teatro Amador (Ceta), que atende 21 alunos de vários bairros, realizou atividades com os alunos, entre elas oficinas itinerantes.

Engenho da Cultura: A atual gestão já trabalha na implantação do Projeto “Engenho da Cultura”, que prevê a ocupação do espaço do Engenho Central com atividades culturais e gastronômicas. O projeto prevê a mudança da Biblioteca e da Pinacoteca Municipal para as dependências do Engenho Central, está última já em processo de mudança, além de concessão de espaços gastronômicos, visando a implantação de dois restaures, dois cafés e uma lanchonete para atender o público de maneira geral, oferecendo assim, diversos atrativos no Engenho.

VER de MUSEU: Com investimentos estimados em R$ 100 milhões, a Raízen anunciou a construção do VER de MUSEU, nas dependências do Engenho Central. O espaço contemplará o passado e o futuro da cana, seja na produção de açúcar, etanol, energia elétrica e biogás, entre outras fontes de energia limpa e renováveis. As obras, que envolvem a restauração e requalificação de cinco prédios no Engenho Central, numa área de 9 mil m², devem começar em 2022, com conclusão prevista para 2024.

Atividades Esportivas: Destaca-se que a Selam (Secretaria Municipal de Esportes, Lazer e Atividades Motoras) mudou sua sede administrativa para o casarão nº 1 do Engenho Central, ao lado da sede da Semac, proporcionando uma economia de R$ 220 mil/ano, além de ocupar o Barracão 14C, onde são oferecidas atividades esportivas dos projetos desenvolvidos pela pasta, contribuindo para criar uma energia de ativação da promoção de atividades físico-esportivas nas dependências do Engenho Central.

Concessões: Em parceria com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo, a Semdettur, estão previstas concessões de espaços públicos nas dependências do Parque do Engenho Central, para a instalação de restaurantes, cafés e lanchonete, assim como, do Parque do Mirante e do antigo Restaurante Mirante, por parte da iniciativa privada, com o objetivo de proporcionar novas opções de turismo e gastronomia no local, assim como, de viabilizar investimentos privados para a realização de manutenção, conservação e melhorias nas dependências do Parque do Mirante.

Setores de Apoio: Uma importante ação desenvolvida pela atual gestão da Semac, destaca-se a unificação dos setores de movimentação cultural, de programação e logística, além da oficina, almoxarifado, sala dos colaboradores terceirizados, sala de reuniões e sala da diretoria do parque, em um único espaço, proporcionando melhor organização e gestão operacional, com o apoio dado pela Câmara Municipal.

Capital Cultural: A cidade de Piracicaba foi anunciada no dia 13/07, pelo governador do Estado de São Paulo, João Dória, como uma das 20 cidades com o Título de Capital Cultural do Estado de São Paulo, com apoio pelos editais do Juntos pela Cultura, para projetos como a Virada Cultural Online, Circuito SP Online e Mais Gestão, que permitiram que o município fosse reconhecido como Capital da Cultura. Juntos, as ações dos editais tiveram um público de mais de 15 mil espectadores. Destaca-se o trabalho realizado pela comissão julgadora, composta pelos servidores da SEMAC, Rubens Evandro de Godoy Roncato, Érica Fernanda Stocco Frasson, Júnior Kadeshi, Gilmar de Aguiar Godoy, Luiz Gustavo Maluf e Esio Antonio Pezzato, os quais foram responsáveis pela escolha dos projetos, assim como, a boa qualidade dos projetos enviados. O reconhecimento como “Capital Cultural de São Paulo” é merecido, pela trajetória, pelas tradições e pela qualidade dos fazedores de cultura de Piracicaba.

Centros Culturais: No início do ano, o vereador Laercio Trevisan Jr. visitou os centros culturais da cidade, onde constatou a situação de abondono e má conservação. Algumas medidas foram adotadas pela própria equipe da Semac, com apoio de outras secretarias municipais, visando garantir melhores condições de uso aos frequentadores destes espaços.

Ressalta-se que os Centros Culturais retomaram, gradativamente, suas atividades em agosto, em comemoração dos 254 anos de Piracicaba, com shows, oficinas e apresentações. Na Estação da Paulista foram 14 ações com 982 pessoas interagindo presencialmente; no Centro Cultural do Núcleo Habitacional Comendador Mário Dedini Isaíra Aparecida Barbosa – Zazá foram 12 ações desenvolvidas e um público de aproximadamente 500 pessoas; no Centro Cultural do Bairro Santa Terezinha Hugo Pedro Carradore foram duas ações com 53 interações presenciais e no Centro Cultural Nhô Serra, no Parque 1º de Maio, houve um público de 95 pessoas com 2 ações realizadas.

Público: Durante o ano todo houve, aproximadamente, 404 mil interações entre público presencial e virtual, assim constituídos: Lei Aldir Blanc, 39 ações realizadas virtualmente, com 128.460 interações, 64 ações realizadas presencialmente, com 3.015 interações. Outros projetos virtuais com 24 ações e 38.456 interações, 150 ações presenciais e 35.665 interações. Foram 48 lives e 294 matérias em jornais.

Na Biblioteca Municipal foram 22.753 consultas e 4.566 visitas presenciais. Na página da Pinacoteca foram 2.084 visualizações. Já o Salão Internacional de Humor virtual recebeu 19.294 interações virtuais e presenciais. As mostras Batom, Lápis & TPM e Mostra Almeida Júnior chegaram aos quatro cantos do mundo com 2.993 visualizações. Nos Barracões do Engenho, com as exposições Tadeu Fessel & Amigos, Salão Internacional de Humor, Pocket Expo do SIHP e Mercadin du Nadal, o público chegou a quase 6.000 pessoas.

O Centro de Documentação, Cultura e Política Negra, agora localizado no Centro Administrativo do Parque do Engenho Central realiza atendimentos semanais, estabelecendo a importância e relevância que a instituição presta para Piracicaba. A célula do Museu da Imagem e do Som de Piracicaba (MISP) promoveu encontros de Curueiros em escolas e no barracão do Centro Cultural Maria Dirce Camargo, localizado na Estação da Paulista, com um público de aproximadamente 80 espectadores.

A Casa do Povoador realizou cinco ações, entre visitas, exposições e apresentações, com quase 1.000 visitantes. A Noite da Seresta voltou, em edições ocorridas nos meses de novembro e dezembro, com controle de público e 600 pessoas beneficiadas.

O secretário Adolpho Queiroz promoveu, em seu gabinete, 721 atendimentos presenciais, com o objetivo de conhecer melhor os artistas, fazedores de cultura e também de mapear pessoas e ações que compõem a cultura da Região Metropolitana de Piracicaba (RMP). "Foi um ano de grandes desafios e muitas alegrias. Criamos a Câmara de Cultura com os secretários da RMP. Nosso 2 º semestre foi muito rico e intenso em shows, espetáculos, exposições, apresentações, oficinas, entre tantos. Isso é apenas o começo, nosso 2022 será ainda melhor", comentou Queiroz.

O total de investimento nessas ações no ano foi de R$1.670.738,45. Aos artistas locais foi destinado 97,6% desse valor e a artistas de outras regiões 2,4%. Há ainda as subvenções da pasta destinadas à Orquestra Sinfônica de Piracicaba, Instituto Histórico e Geográfico de Piracicaba (IHGP), Associação Atlética Educando Pelo Esporte, Corporação Musical União Operária, Associação Cultural e Teatral Guarantã, entre outros. Para 2022, a previsão é colocar em prática ainda mais ações, já que o orçamento da Secretaria foi elevado em 16,58%.

Neste ano ainda, foi dado início à base do Projeto Engenho da Cultura, com o objetivo de ampliar o acesso à cultura reunindo vários equipamentos no Engenho Central, como Pinacoteca, além da retomada do contato com a Raízen e o aceno de um aporte de R$ 100 milhões para a criação do Ver De Museu e também de mais R$ 1,7 milhão em emendas parlamentares destinadas às obras de infraestrutura no Parque do Engenho Central e Estação da Paulista.

Para o Vereador Laercio Trevisan Jr., que é autor inclusive de uma Moção de Aplausos ao Prefeito Luciano, ao Secretário Adolpho e a toda equipe da Semac pelos relevantes serviços realizados na área cultural no ano de 2021, todas essas mudanças, mesmo com a pandemia, foram muito positivas, tanto na parte cultural, operacional e administrativa.

“Parabenizo o prefeito Luciano Almeida, o secretário da Ação Cultural, Adolpho Queiroz, na pessoa do Antonio Padovan, todos os diretores e coordenadores da Semac, os servidores, comissionados, estagiários e terceirizados da Semac pelo trabalho desenvolvido no ano de 2021. Sem dúvida alguma, estes resultados comprovam o comprometimento e a dedicação de toda equipe e desejo muito sucesso neste novo ano”, disse Trevisan Jr.



Texto:  Assessoria parlamentar
Supervisão:  Rodrigo Alves - MTB 42.583


Cultura Laércio Trevisan Jr

Notícias relacionadas