PIRACICABA, SEXTA-FEIRA, 25 DE SETEMBRO DE 2020
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

11 DE AGOSTO DE 2020

Trevisan Jr. critica fechamento de UPA para tratamento do coronavírus


Ele usou os cinco minutos regimentais para apontar "equívocos" da prefeitura



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução





O vereador Laércio Trevisan Jr. (PL) criticou o fechamento da UPA Vila Rezende para tratamento exclusivo do coronavírus.  Ele usou os cinco minutos previstos no Regimento Interno da Câmara, durante a 28ª reunião extraordinária, nesta segunda-feira (10), para sugerir à prefeitura a reativação da UPA Vila Rezende para o atendimento de outras especialidades e a utilização exclusiva da UPA Vila Cristina para tratamento do coronavírus.

Para Trevisan Jr., houve um equívoco por parte da Secretaria de Saúde em fechar a UPA da Vila Rezende para tratamento do coronavírus e precisa ser revisto. “Você não pode tirar o atendimento da população da Vila Rezende, com mais 60 mil pessoas, em que um terço use o serviço público. Veja quantas pessoas deixaram de ser atendidas naquele local, indo para outras UPAs, provocando uma grande aglomeração”, afirmou.

O vereador também criticou a redução da frota de ônibus de 240 para 80 pois, segundo ele, muitos moradores do Vila Rezende pegam ônibus para ir no UPA Vila Cristina e não tem dinheiro para pagar táxi, ocasionando aglomerações nos ônibus. “A UPA da Vila Rezende tem que ser reativada para atender outros casos e a antiga UPA Vila Cristina ativada para atender só casos do coronavírus. Houve um equívoco e a população da Vila Rezende não pode sofrer com isso”, destacou Trevisan Jr.



Texto:  Daniela Teixeira - MTB 61.891
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343


Legislativo Laércio Trevisan Jr

Notícias relacionadas