PIRACICABA, SEGUNDA-FEIRA, 26 DE SETEMBRO DE 2022
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

21 DE JULHO DE 2022

Vereadora visita instalações do Tiro de Guerra de Piracicaba


Ana Pavão (PL) esteve com o atual chefe da instrução, o primeiro-sargento Felipe Silva de Carvalho



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Assessoria parlamentar (1 de 2) Salvar imagem em alta resolução

No espaço são desenvolvidas instruções militares e treinamento

No espaço são desenvolvidas instruções militares e treinamento
Foto: Assessoria parlamentar (2 de 2) Salvar imagem em alta resolução

No espaço são desenvolvidas instruções militares e treinamento

No espaço são desenvolvidas instruções militares e treinamento
Foto: Assessoria parlamentar Salvar imagem em alta resolução

No espaço são desenvolvidas instruções militares e treinamento



Nesta terça-feira (19), a vereadora Ana Pavão (PL) visitou no Tiro de Guerra de Piracicaba e conversou com o atual chefe de instrução da unidade, o primeiro-sargento do Exército Felipe Silva de Carvalho. Na oportunidade, a parlamentar conheceu as instalações do local e a rotina de atividades do Tiro de Guerra 02-028.

Lá, são desenvolvidas instruções militares, com treinamentos menos intensos dos que ocorrem no período básico militar convencional. Outra peculiaridade está relacionada ao tempo de duração do período básico, pois, enquanto nos demais quartéis o recruta recebe todas as instruções iniciais em 3 meses, o atirador do TG leva um ano para completá-las. 

Esse fato ocorre devido à diferença de carga horária que existe entre os Tiros de Guerra e os quartéis convencionais. Enquanto no TG o tempo é de 2 horas por dia, no Serviço Militar convencional o curso acontece em sistema de internato.

O tiro de guerra vai além de um espaço de formação de atiradores (soldados) e de cabos para o Exército Brasileiro. É um local de aprendizado, conscientização e cidadania. Além de todas as atividades militares, os reservistas desenvolvem de maneira efetiva a geração de pertencimento a pátria e seu habitat forjando o caráter e responsabilidade social.

“Não é somente a formação militar, mas também cuidamos da construção sadia do vínculo familiar”, destacou o Sargento Felipe. De acordo com Ana Pavão, “unir as frentes de atuação, proporciona o crescimento sócio educacional na consolidação de garantia de direitos”.



Texto:  Assessoria parlamentar
Supervisão:  Rodrigo Alves - MTB 42.583


Vereadores Segurança Ana Pavão

Notícias relacionadas