PIRACICABA, TERÇA-FEIRA, 22 DE SETEMBRO DE 2020
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

15 DE SETEMBRO DE 2020

Usando língua de sinais, live aborda desafios da comunidade surda


Em live do Programa Parlamento Aberto, Thiago Pereira da Silva falou sobre a comunicação e os desafios da comunidade surda



EM PIRACICABA (SP)  

Thiago Pereira da Silva se comunicou usando a língua de sinais

Thiago Pereira da Silva se comunicou usando a língua de sinais

A live contou com o apoio da intérprete de Libras Shalimar Laureano

A live contou com o apoio da intérprete de Libras Shalimar Laureano
Salvar imagem em alta resolução

Thiago Pereira da Silva se comunicou usando a língua de sinais





A igualdade de informação entre surdos e ouvintes é um dos objetivos de Thiago Pereira da Silva, líder surdo do Grupo Libras Piracicaba e Região e membro do Comdef (Conselho Municipal de Proteção, Direitos e Desenvolvimento da Pessoa com Deficiência) de Piracicaba. Thiago participou na tarde desta segunda-feira (14) de live do Programa Parlamento Aberto e falou sobre as dificuldades de comunicação e inclusão que a comunidade surda ainda enfrenta. Para participar da live, Thiago Pereira teve o apoio da intérprete de Libras, Shalimar Laureano.

Setembro é o mês em que a comunidade surda celebra as lutas vencidas em prol da acessibilidade, sendo que o Setembro Azul traz comemorações e eventos que dá mais visibilidade para os surdos. Na live, Thiago Pereira contou que os surdos já tiveram uma história de muitas lutas e dificuldades, inclusive com a proibição do uso da língua de sinais. No dia 30 setembro é comemorado o Dia do Intérprete de Libras porque foi nesse dia em que a língua de sinais foi proibida.

Líder surdo do Grupo Libras Piracicaba e Região, Thiago Pereira destacou a importância do contato com os outros surdos. Para ele, os surdos não tem muita representatividade, já que a informação chega para quem escuta (ouvinte) mais rápido do que para os surdos, que ficam sabendo depois e, às vezes, de uma forma resumida. O entrevistado, que nasceu surdo, relata ter evoluído ao entrar em contato com os outros surdos e destacou o trabalho do Grupo Libras que valoriza o surdo e foca na língua de sinais. Além do Grupo Libras Piracicaba, Thiago Pereira também deu destaque à sua participação como membro do Comdef, que foca na inclusão de pessoas com deficiência em geral.

As dificuldades da comunidade surda em receber informações foi agravada durante a pandemia. Segundo o líder do Grupo Libras, o surdo não recebeu as informações sobre a prevenção do coronavírus em tempo real, via as pessoas nas ruas de máscara e não entendia nada. “As informações para os surdos chegaram atrasadas e quando chegaram, estavam resumidas”, afirmou. O uso da máscara sem transparência também dificultou a comunicação dos surdos que fazem uso da leitura labial. “Se um surdo vai ao médico, como ele vai se comunicar usando máscara? Precisa ter um intérprete junto”, disse. Para o entrevistado, na pandemia a dificuldade de comunicação da comunidade surda ficou mais à mostra.

Na live, Thiago Pereira relatou sua experiencia pessoal como pessoa surda, as dificuldades que enfrentou para ser oralizado e como se adaptou muito rápido à língua de sinais que, para ele, é uma comunicação fluida. “Eu consegui me autoperceber com essa comunidade e quero continuar lutando para ajudar os surdos”, afirmou.

Autorizada pelo decreto legislativo 19/2020, a realização do “Setembro Verde e Azul” pela Câmara de Vereadores de Piracicaba tem o objetivo de ampliar a conscientização da população sobre os direitos da pessoa com deficiência e o desenvolvimento de ações necessárias para sua acessibilidade e inclusão nas diversas esferas da sociedade. A programação do “Setembro Verde e Azul” foi coordenada pelo Comdef (Conselho Municipal de Proteção, Direitos e Desenvolvimento da Pessoa com Deficiência) e pelo Grupo Libras Piracicaba e Região.

O “Setembro Verde e Azul” fortalece as ações do Câmara Inclusiva, projeto do programa Parlamento Aberto que objetiva ampliar a participação das pessoas com deficiência nas atividades do Legislativo e que, durante a pandemia, também estendeu a acessibilidade para as redes sociais.   

ACESSE O CONTEÚDO

As lives do programa Parlamento Aberto são realizadas no perfil do Instagram, que pode ser acessado em @parlamento_aberto. As entrevistas também podem ser acessadas no canal do YouTube do Departamento de Comunicação da Câmara de Vereadores de Piracicaba e, ainda, no podcast produzido pela Rádio Câmara Web.

Para receber as informações do Parlamento Aberto direto no celular, é possível se cadastrar na lista de transmissão do Whatsapp neste link.

Saiba mais:

Câmara, Comdef e Grupo Libras se unem no mês da pessoa com deficiência

https://www.camarapiracicaba.sp.gov.br/camara-comdef-e-grupo-libras-se-unem-no-mes-da-pessoa-com-deficiencia-50456

Série de 10 lives discutirá os desafios das pessoas com deficiência

https://www.camarapiracicaba.sp.gov.br/serie-de-10-lives-discutira-os-desafios-das-pessoas-com-deficiencia-50572

Com Libras em vídeos, Câmara torna acessíveis informações da Covid-19

https://www.camarapiracicaba.sp.gov.br/com-libras-em-videos-camara-torna-acessiveis-informacoes-da-covid-19-49612

 



Texto:  Daniela Teixeira - MTB 61.891
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343


Parlamento Aberto Câmara Inclusiva

Notícias relacionadas