PIRACICABA, SEGUNDA-FEIRA, 26 DE SETEMBRO DE 2022
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

12 DE AGOSTO DE 2022

Requerimentos questionam polícias sobre ocorrências do 1º semestre


Polícias Militar, Civil e Guarda Civil são questionadas sobre o número de ocorrências registradas de janeiro a julho deste ano, em todas as regiões da cidade



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução

Câmara promove na noite desta segunda-feira a 33ª reunião ordinária com 19 proposituras na pauta da ordem do dia



Requerimentos propostos pelo vereador Laércio Trevisan Jr. (PL), a serem apreciados na 33ª reunião ordinária, na noite desta segunda-feira (15), questionam o número de ocorrências registradas pelas polícias Militar, Civil e Guarda Civil no primeiro semestre deste ano.

Ao delegado seccional de polícia do município, Américo Sidnei Rissato, o parlamentar pergunta por meio do requerimento 582/2022, quantos incidentes foram notabilizados pela corporação em todas as regiões da cidade, além das áreas central e rural, de janeiro a julho de 2022.

Com o mesmo teor, Trevisan quer informações da Guarda Civil no requerimento 581/2022, e das ocorrências contabilizadas pelo 10º BPMI (Batalhão de Polícia Militar do Interior), responsável pelo policiamento militar em Piracicaba e cidades próximas. À Polícia Militar, o documento, se aprovado nesta segunda-feira, será encaminhado ao tenente-coronel Alexandre Luiz Bergamasco.

EXAMES – A espera para a realização de exames de ultrassonografia doppler venosos aos pacientes da rede pública municipal é motivo de questionamento do vereador Aldisa Vieira Marques – o Paraná (Cidadania) – no requerimento 491/2022.

O parlamentar indaga à Administração Municipal, qual é o tempo de espera para que os pacientes possam realizar os exames, após os pedidos serem registrados no sistema. Na mesma linha, Paraná quer saber qual o plano que a Secretaria Municipal de Saúde para desafogar e normalizar a realização dos referidos exames.

Além desses requerimentos, o plenário apreciará outros 11. Na pauta ainda há o projeto de resolução 10/2022, de autoria da Mesa Diretora, que autoriza a Câmara a criar cesta básica de alimentos aos seus servidores; um projeto de decreto legislativo 39/2022, de autoria do vereador Gilmar Rotta (PP), que institui na Câmara Municipal de Piracicaba o "Mês de Conscientização da Miastenia Gravis – Junho Verde” e o projeto de lei 140/2022, de autoria do Executivo Municipal que institui no município o Selapir (Selo Local de Alimentos de Piracicaba).

O veto total ao projeto de lei complementar 3/2022, de autoria da vereadora Silvia Morales (PV) – Mandato Coletivo –  que versa sobre a instalação de tela de contenção de resíduos sólidos sob as grades de proteção dos fossos nas calçadas, também está na pauta para ser apreciado.

Os trabalhos camarários podem ser acompanhados presencialmente no plenário municipal "Francisco Antônio Coelho", a partir das 19h. Haverá transmissão ao vivo pela TV Câmara na frequência 11.3 UHF, além dos canais 4 da Net / Claro e 9 da Vivo Fibra, e nos perfis do Legislativo no Facebook e Youtube.  As rádios Câmara Web e Educativa FM (105, 9 MHz) iniciam suas transmissões às 19h30 e 20h05, respectivamente.

 



Texto:  Marcelo Bandeira - MTB 33.121
Supervisão:  Rodrigo Alves - MTB 42.583


Legislativo

Notícias relacionadas