PIRACICABA, SEXTA-FEIRA, 16 DE ABRIL DE 2021
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

05 DE MARÇO DE 2021

Força-tarefa mobiliza secretários, na Laranjal Paulista, Campestre


Reunião solicitada por Pedro Kawai mobilizou quatro secretarias municipais (Semuttran, Sedema, Semob e a secretaria de Governo).



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Assessoria parlamentar Salvar imagem em alta resolução

Força-tarefa mobiliza secretários, na Laranjal Paulista, Campestre



O secretário municipal de Governo, Carlos Alberto Lordello Beltrame promoveu uma reunião com os secretários José Vicente Caixeta Filho (Semuttran), Marcos Yassuo Kamogawa (Sedema) e Paulo Rogério Ferreira da Silva (Semob) para acolher demandas apresentadas pelo vereador Pedro Kawai (PSDB), sobre melhorias na região do Campestre, especialmente, junto à avenida Laranjal Paulista.

Na semana passada, o vereador esteve no bairro e ouviu dos moradores e comerciantes, uma série de reclamações sobre problemas, como congestionamento no trânsito, nas proximidades da rotatória da rodovia Cornélio Pires, segurança dos pedestres e ciclistas, buracos no asfalto e a ausência de um programa permanente de limpeza e manutenção da avenida.

Com o desenvolvimento da região sul da cidade, a avenida Laranjal Paulista, no Campestre, se tornou uma das principais vias de acesso a vários bairros Jardim Belvedere, Costa Rica, Chácaras Unidas, Jd. Laranjal, Jd. Campestre, e residenciais como o parque Campestre I e II, Parque dos Ipês, Bonne Vie, Benvenuto, Vila Laranjal, Nosso Recanto, Quinta de Santa Helena, entre outros. Por isso, Kawai apresentou quatro alternativas para um dos problemas mais crônicos: o grande fluxo de veículos que congestiona o tráfego, especialmente em horários de pico.

Entre as ideias apresentadas pelo parlamentar estão a interligação da Laranjal Paulista à rodovia Cornélio Pires por pelo menos duas ruas transversais, e outras duas propostas para incluir rotas alternativas pelo lado oposto, como forma de reduzir o trânsito represado no local.

Sobre a segurança dos pedestres e ciclistas, Kawai sugeriu que fosse avaliada a possibilidade de uma reformulação na sinalização, com a instalação de mais placas, reforço na pintura de solo e um novo desenho viário que inclui a rotatória de acesso à avenida, no cruzamento com a rodovia.

Para a Sedema, Kawai pediu maior frequência na varrição e uma atenção especial para a retirada de terra e pedras que se acumulam junto à sarjeta em ambos sentidos da avenida. Segundo ele, além da derrapagem e da possibilidade de as pessoas ou veículos serem atingidos por pedras, com a passagem dos veículos, o problema se agrava quando esses detritos causam entupimento nas bocas de lobo e impedem a drenagem, especialmente em períodos de chuvas.

Além das demandas, o vereador também apresentou propostas dos moradores na forma de sugestões por escrito e ouviu do secretário municipal de governo, que existe sim a possibilidade de a Laranjal Paulista ser contemplada com ações de manutenção, que poderão ser incluídas no que chamou de “Plano de Cem Dias”, o qual deverá ser apresentado pelo prefeito Luciano Almeida (Democratas).

Contudo, segundo Beltrame, há ações que demandam recursos não contemplados pela prefeitura, mas que poderão se desdobrar em projetos menores para serem realizados por etapa.

“Foi um encontro importante, porque sentimos uma grande disposição dos secretários em trabalhar de forma articulada em favor da Laranjal Paulista”, observou o vereador.

Do mesmo modo, Beltrame elogiou a postura do parlamentar em apresentar, junto com os pedidos, várias propostas, o que demonstra, segundo ele, o interesse real em ajudar o bairro e não apenas transferir um problema antigo para um governo que começou agora.



Texto:  Assessoria parlamentar
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343


Infraestrutura Urbana Pedro Kawai

Notícias relacionadas