PIRACICABA, DOMINGO, 7 DE AGOSTO DE 2022
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

10 DE MAIO DE 2021

Vereadores pedem solução para falta de médicos em UPAs


Motivado por requerimento votado na extraordinária desta segunda-feira (10), problema dominou falas de parlamentares.



EM PIRACICABA (SP)  

Salvar imagem em alta resolução





A falta de médicos em unidades de pronto-atendimento, especialmente na Vila Cristina e no Vila Sônia, foi amplamente discutida durante a 13 reunião extraordinária da Câmara Municipal de Piracicaba, realizada na noite desta segunda-feira (10). O assunto foi motivado pelo requerimento 448/2021, de Cassio Luiz Barbosa, o Cassio Luiz “Fala Pira” (PL), e foi debatido ao longo dos trabalhos legislativos.

“Eu gostaria de parabenizar o vereador Cassio Luiz, por ter apresentado esse requerimento tão importante”, disse o vereador Fabricio Polezi (Patriota). “É um questionamento que tem sido muito recorrente pela população que tem nos procurado”, disse.

Autor do requerimento, Cassio Luiz lembrou de caso de um paciente de 96 anos que está à espera de uma vaga, o que demonstra as carências no sistema municipal de saúde. “Eu vou encaminhar o problema ao Ministério Público, já que os nossos requerimentos não importam”, disse, sobre a necessidade do problema ser resolvido com urgência.

A mesma preocupação, da falta de atendimento em unidades de pronto-atendimento, foi expressada pelos vereadores Laércio Trevisan Jr (PL) – que retornou ao mandato, após licença médica – e Paulo Campos (Podemos). Eles defenderam que o sistema municipal de saúde deve ser de “vaga zero”, ou seja, garantindo acesso imediato de paciente que está com risco de morrer. 

O vereador Gustavo Pompeo (Avante) disse que o problema é que "simplesmente os médicos falham, não vão ao plantão" por isso as unidades ficam sem atendimento. "Se já tem um cronograma e aí o médico não vai, isso também é um problema", disse. 

VOTAÇÃO – Foram aprovados, em primeira discussão, os requerimentos 444/2021, 446/2021, 447/2021, 448/2021, 449/2021, 450/2021, 452/2021, 453/2021, 454/2021, 455/2021, 456/2021, 457/2021, 459/2021, 460/2021, 461/2021, 462/2021, 463/2021, 464/2021, 465/2021, 467/2021, 468/2021 e 469/2021. Em primeira discussão, foram votados os projetos de lei 124/2020, 128/2020, 162/2020 e 35/2021.

Devido às restrições impostas pela pandemia, a reunião extraordinária ocorreu em SDR (sistema de deliberação remota), em que o presidente permanece no Plenário “Francisco Antonio Coelho” e os demais parlamentares acompanham de seus gabinetes ou suas residências.

Os trabalhos legislativos podem ser acompanhados pela TV Câmara, nos canais 11.3 em TV aberta (sinal digital), 4 da Claro/Net e 9 da Vivo, assim como pelas redes sociais oficiais, no Facebook e Youtube. A Rádio Câmara Web e a Rádio Educativa FM também transmitem, ao vivo.



Texto:  Erich Vallim Vicente - MTB 40.337
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343


Legislativo André Bandeira Ary Pedroso Jr Laércio Trevisan Jr Gilmar Rotta Paulo Camolesi Paulo Campos Pedro Kawai Rerlison Rezende Aldisa Marques Wagner Oliveira Zezinho Pereira Cassio Luiz Alessandra Bellucci Acácio Godoy Ana Pavão Josef Borges Thiago Ribeiro Gustavo Pompeo Rai de Almeida Anilton Rissato Fabricio Polezi Silvia Maria Morales

Notícias relacionadas