PIRACICABA, SÁBADO, 13 DE AGOSTO DE 2022
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

24 DE JUNHO DE 2022

Vereador questiona custo do lixo produzido em Piracicaba


Vereador Paulo Camolesi (PDT) falou sobre transporte, serviços públicos, meio ambiente e saúde



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução

Vereador Paulo Camolesi (PDT ) comparou custo do lixo produzido em Piracicaba com outros municípios do mesmo porte






O vereador Paulo Camolesi (PDT) usou o tempo regimental, na 27ª reunião ordinária, nesta quinta-feira (23), para falar sobre temas como transporte, serviços públicos, meio ambiente e saúde. Ele apresentou um levantamento feito pelo gabinete sobre o custo da tonelada de lixo produzido na cidade e um quadro comparativo com outros municípios. Segundo o parlamentar, cada tonelada custa R$ 604,54 para os cofres públicos, valor superior ao que é pago por municípios do mesmo porte.

Ele disse ainda que cada munícipe produz cerca de 22 quilos de lixo por mês e que é necessário um trabalho de educação para reduzir a quantidade de resíduos. “Estamos trabalhando para a gente conseguir trazer empresas recicladoras de lixo na cidade”, afirmou. Em relação ao esgoto, ele salientou que o entupimento das redes é causado por cabelo, fio dental e óleo de cozinha, entre outros materiais que são descartados irregularmente na rede. 

O parlamentar também comentou sobre o incremento de mais ônibus nas linhas 240 e Unileste. Falou ainda sobre problemas no acostamento da estrada do Ceasa e mostrou fotos de um buraco de rua no bairro Serra Verde. Outro problema relatado pelo vereador é a falta de médicos ocasionada pelo limite de pagamento de salários acima do teto do prefeito. O discurso completo do vereador pode ser visto em vídeo, nesta página.



Texto:  Aline Macário - MTB - 39.904
Supervisão:  Rebeca Paroli Makhoul - MTB 25.992
Imagens de TV:  TV Câmara


Reunião Ordinária Paulo Camolesi

Notícias relacionadas