PIRACICABA, DOMINGO, 3 DE JULHO DE 2022
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

04 DE AGOSTO DE 2021

Vereador busca fomentar cooperativas municipais


André Bandeira se reuniu com consultor regional do Sescoop (SP) para discutir ideias para estimular cooperativas em Piracicaba



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Assessoria parlamentar (1 de 2) Salvar imagem em alta resolução

Vereador André Bandeira (PSDB) e Alex Sousa, consultor regional do Sescoop (SP)

Vereador André Bandeira (PSDB) e Alex Sousa, consultor regional do Sescoop (SP)
Foto: Assessoria parlamentar (2 de 2) Salvar imagem em alta resolução

Vereador André Bandeira (PSDB) e Alex Sousa, consultor regional do Sescoop (SP)

Vereador André Bandeira (PSDB) e Alex Sousa, consultor regional do Sescoop (SP)
Foto: Assessoria parlamentar Salvar imagem em alta resolução

Vereador André Bandeira (PSDB) e Alex Sousa, consultor regional do Sescoop (SP)



O vereador André Bandeira (PSDB) se reuniu, no último dia 29, com Alex Sousa, consultor regional do Sescoop/SP (Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado de São Paulo), para tratar das atividades desenvolvidas pelo Fórum do Cooperativismo e discutir ideias para fomentar organizações colaborativas em Piracicaba.

“O cooperativismo é muito interessante e tem crescido muito no País, sobretudo nesse período de pandemia, em que muitas pessoas precisaram se reinventar”, disse o parlamentar. “Mas ainda temos um espaço muito grande para crescer, quando comparado com lugares da Europa e Estados Unidos”, completou.

Sousa colocou o serviço à disposição, principalmente para as pequenas ou aqueles que querem formar uma cooperativa. Todo suporte é oferecido sem custo.

“Muitas vezes as pessoas têm a visão de que se associar a uma cooperativa é caro ou terá custos e na grande maioria das vezes custa mais caro as pessoas pagarem um profissional, um contador, um escritório, para fazer toda a documentação”, disse.

O consultor ainda informou que realizam todo o processo para auxiliar, “dando assessoria, montando estatuto, realizando estudo de viabilidade da cooperativa ou do negócio. Tudo sem custo", disse. No entanto, após determinado tempo de funcionamento da cooperativa existe custo de anuidade que deve ser pago e, mesmo sendo baixo, pode ser negociado.

“A partir dessa conversa, vamos nos reunir com grupos que temos conhecimento da cidade, buscando levá-los para essa formalização, para terem mais acesso à informação e suporte jurídico. Buscaremos fomentar cada vez mais o cooperativismo na cidade, que é uma atividade muito bacana e traz resultados positivos para aqueles que fazem parte”, disse o vereador.



Texto:  Assessoria parlamentar Letícia Santin
Supervisão:  Rodrigo Alves - MTB 42.583


Fórum Cooperativismo André Bandeira

Notícias relacionadas