PIRACICABA, SÁBADO, 29 DE JANEIRO DE 2022
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

26 DE NOVEMBRO DE 2021

Primeiro Tempo: "Os servidores municipais merecem o nosso respeito"


Anilton Rissato (Patriota) foi o convidado do Primeiro Tempo, exibido na TV Câmara, antes da 47ª reunião ordinária. Ele elogiou os servidores públicos municipais



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (1 de 2) Salvar imagem em alta resolução

Anilton Rissato (Patriota) concedendo entrevista ao programa "Primeiro Tempo", da TV Câmara

Anilton Rissato (Patriota) concedendo entrevista ao programa "Primeiro Tempo", da TV Câmara
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (2 de 2) Salvar imagem em alta resolução

Anilton Rissato (Patriota) concedendo entrevista ao programa "Primeiro Tempo", da TV Câmara

Anilton Rissato (Patriota) concedendo entrevista ao programa "Primeiro Tempo", da TV Câmara
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução

Anilton Rissato (Patriota) concedendo entrevista ao programa "Primeiro Tempo", da TV Câmara






O programa "Primeiro Tempo" apresentado nesta quinta-feira, das 19h20 às 19h35, pela TV Câmara, antes da 47ª reunião ordinária, contou com a participação do vereador Anilton Rissato (Patriota).

Entrevistado pelo jornalista Marcelo Bandeira, Rissato comentou do trabalho realizado pela CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) que está em andamento na Câmara Municipal de Piracicaba (SP) com a finalidade de investigar possíveis irregularidades que estejam ocorrendo no Semae (Serviço Municipal de Água em Esgoto).

Ele disse que o objetivo da CPI não é condenar ninguém, mas apurar denúncias que chegam à Câmara, de problemas que estão acontecendo na autarquia. "O relatório final vamos encaminhar ao Ministério Público", explicou.

O parlamentar ainda destacou a solenidade, de sue autoria, promovida na última quarta-feira (24), que homenageou os 10 anos de fundação da escola municipal Oracy da Silva, do bairro Jardim Taiguara.

SERVIDORES - Ao longo da entrevista de 15 minutos fez questão de comentar o trabalho que a Câmara realizou para garantir os benefícios de servidores públicos municipais das secretarias de Educação e Saúde, que agora não perderão o abono-desempenho durante pandemias e calamidades públicas, como as que ocorreram com o coronavírus.

"O professor não tinha hora para trabalhar. Quando a minha filha estava em frente ao computador, no período noturno, nós entrávamos em contato com os professores para tirar dúvidas e eles respondiam, sempre com muita dedicação", elogiou o parlamentar.

Rissato também abordou o estatuto da Guarda Civil que necessita de atualização. Ele participou de audiência pública, nesta semana, que discutiu o assunto no plenário da Câmara. "Os nossos servidores merecem todo o nosso respeito", destacou.



Texto:  Marcelo Bandeira - MTB 33.121
Supervisão:  Rodrigo Alves - MTB 42.583


Câmara Anilton Rissato

Notícias relacionadas