PIRACICABA, TERÇA-FEIRA, 24 DE MAIO DE 2022
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

14 DE DEZEMBRO DE 2021

“O pobre não passou fome pois o pobre ajudou”, diz vereador


Acácio Godoy, em discurso na tribuna na noite desta segunda-feira (13), falou sobre os percalços impostos pela pandemia e sobre os desafios para o ano que vem.



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Guilherme Leite - MTB 21.401 Salvar imagem em alta resolução

Acácio Godoy, vice-presidente da Câmara, em discurso na tribuna na noite desta segunda-feira (13)






Os desafios sociais e aqueles relacionados à saúde e à economia em decorrência da pandemia da Covid-19 foram a tônica do discurso do vereador e vice-presidente da Câmara Municipal de Piracicaba, Acácio Godoy (PP), na noite desta segunda-feira (13), durante a 52ª reunião ordinária de 2021.

"Enfrentamos um ano atípico comparado aos anteriores, com essa pandemia terrível que levou tantas vidas. Houve um esforço concentrado do nosso time de saúde, mas não só dele, e sim de toda a população. Eu ouvi uma frase verdadeira, “o pobre não passou fome pois o pobre ajudou”. Mas não foi só o pobre, foram as entidades da sociedade civil, foram as igrejas, as empresas e o próprio município e o estado. Mas quem trabalhou arduamente, quem ergue esse país a cada crise, depois de cada problema que esse país enfrenta, é sempre a população que trabalha arduamente", destacou o parlamentar 

Acácio frisou a importância de esforços conjuntos por parte das entidades e do poder público para enfrentar a crise econômica, acentuada pela pandemia: "para o próximo ano, senhores vereadores, a todos nós que fazemos parte dos poderes desse município, nós precisamos trabalhar arduamente para recuperar posições de emprego, precisamos trabalhar arduamente para ajudar a população a gerar renda para suas casas. Precisamos de uma política, e aí não compete a nós diretamente, mas indiretamente como cidadãos e como agentes de política pública, rogar aos nossos deputados, senadores e à presidência para que façam uma política de recuperação do valor do salário mínimo", completou.

Ele também destacou a necessidade de mais apoio aos profissionais da educação e aos alunos para "recuperar o tempo perdido" na pandemia.

Acácio também pediu mais atenção à segurança pública em espaços públicos, como escolas municipais e postos de saúde que, frequentemente, são alvos de vândalos e criminosos: "temos que estar atentos a este novo cenário e, aí, conclamar as forças de segurança para atuarem. Como bem diz o colega Laércio Trevisan Jr., se combate o mal com a lei, e nós precisaremos estar atentos, para que realmente ajudemos o município a criar ferramentas que deem segurança às escolas, aos prédios públicos e à população em geral (...) Acredito que o prejuízo nas invasões nos prédios públicos passou do meio milhão de reais este ano. Talvez o mesmo custo de se colocar câmeras com alta resolução para identificar esses bandidos", disse. 

Por fim, o parlamentar também pediu mais incentivos à atividade econômica da cidade, em especial às micro e pequenas empresas: "a nós, políticos, aos poderes constituídos, nos cabe muitas vezes apenas não atrapalhar o povo e o ajudar no que ele pede".

O discurso completo do vereador pode ser visto no canto superior esquerdo da página, logo abaixo da foto de capa.



Texto:  Fabio de Lima Alvarez - MTB 88.212
Supervisão:  Rodrigo Alves - MTB 42.583


Legislativo Acácio Godoy

Notícias relacionadas