PIRACICABA, SEXTA-FEIRA, 25 DE MAIO DE 2018 Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

20 DE ABRIL DE 2018

Vereadores questionam corte de seringueiras na praça da Boyes


Árvores eram caracterizadas por forte simbologia na paisagem urbana do município, dizem vereadores no requerimento



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução

Nancy Thame e Paulo Serra destacam repercussão gerada pela supressão das árvores


Os vereadores Nancy Thame (PSDB) e Paulo Serra (PPS) solicitaram, por meio do requerimento 246/2018, que a prefeitura apresente justificativa para a retirada de árvores seringueiras na praça da Boyes, localizada ao lado da rua Luiz de Queiroz, no Centro. A Câmara aprovou a propositura na reunião ordinária desta quinta-feira (19).

Nancy e Serra informam na propositura que a retirada das árvores causou uma grande repercussão na cidade, pois as falsas seringueiras - da espécie fícus ellastica - eram caracterizadas por forte simbologia na paisagem urbana do município.

Procurados em seus gabinetes por vários munícipes, que questionaram a situação, eles questionam quais foram os motivos para a remoção das seringueiras.

Eles querem saber se o município possui um inventário com registros de árvores centenárias, como classificação conforme a idade, condições fitossanitárias e risco de queda, e se há ainda delimitação ou projeto sobre o patrimônio cultural no município.

O documento relembra a lei complementar 251, de 2010, que dispõe sobre a supressão de espécimes arbóreos em áreas públicas de Piracicaba, bem como o Manual de Normas Técnicas de Arborização Urbana, elaborado pela Sedema (Secretaria Municipal de Defesa do Meio Ambiente) em 2007.



Texto:  Débora Bontorim Saia (estagiária)
Supervisão:  Rodrigo Alves - MTB 42.583


Tópicos: LegislativoPaulo SerraNancy Thame

Notícias relacionadas