PIRACICABA, SEGUNDA-FEIRA, 18 DE NOVEMBRO DE 2019
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

20 DE SETEMBRO DE 2019

Tozão reclama de falta de consciência no despejo do lixo


Parlamentar enumerou ações atendidas pelo Executivo após solicitação de seu gabinete



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução

Parlamentar ocupou a tribuna da Câmara na 52ª reunião ordinária






A falta de consciência da população no descarte do lixo gerou indignação no vereador Osvaldo Schiavolin, o Tozão (PSDB). Nesta quinta-feira (19), na 52ª reunião ordinária, ele comentou sobre o pedido feito ao Executivo para retirada de entulho no Cepat Taquaral.

"Estamos ainda com bastante vontade de deixar Piracicaba mais limpa, para que possamos viver nela. Temos um lixo típico de porcalhão. Temos a caçamba, para jogar lixo doméstico, e o indivíduo coloca pallet, pneu, e o outro taca fogo ainda. Temos que parar com isso, povo piracicabano. Temos que nos educar. Estamos deixando a cidade poluída e feia. Imagine isso na porta da sua casa, se iria gostar? O que não gosta na porta da sua casa, não faça na porta do seu vizinho", disse.

O parlamentar reconheceu que existe problema na coleta de lixo da cidade, que passa por adequações, e pediu colaboração dos moradores. Segundo ele, caso seja notada a ausência do lixeiro, o correto é recolher o lixo de volta para dentro de casa.

Para o vereador Aldisa Vieira Marques, o Paraná (CID), parte do lixo despejado --com sacos azuis-- é proveniente de empresas.

Outro ponto citado por Tozão foi a manutenção de parque infantil e academia ao ar livre no bairro Altos da Pompeia, efetuada pela Sedema (Secretaria Municipal de Defesa do Meio Ambiente) a seu pedido, via indicação. Ele comentou de operação tapa-buraco no Algodoal, após seu gabinete levar reivindicação à Semob (Secretaria Municipal de Obras), que também construiu sete lombadas no Gran Park.

O vereador fez uma crítica ao fato de não ocorrer a poda de uma árvore na Vila Rezende, que segundo ele sofre com infestação de cupim. Ele definiu que algumas árvores são verdadeiros "dinossauros". "Algumas árvores deveriam ser erradicadas sem documentação, é visível que estão podres e ocasionando problemas à população. É óbvio que plantando outras, pois não vivemos sem árvores", considerou.

 



Texto:  Rodrigo Alves - MTB 42.583
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343


Tópicos: LegislativoOsvaldo Schiavolin

Notícias relacionadas