PIRACICABA, TERÇA-FEIRA, 14 DE AGOSTO DE 2018 Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

09 DE AGOSTO DE 2018

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí


Vereadores desta municipalidade se mobilizam para conter o lançamento indevido de materiais tóxicos provenientes de cerâmicas e esgoto in natura, em ribeirões



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (1 de 14) Salvar imagem em alta resolução

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (2 de 14) Salvar imagem em alta resolução

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (3 de 14) Salvar imagem em alta resolução

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (4 de 14) Salvar imagem em alta resolução

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (5 de 14) Salvar imagem em alta resolução

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (6 de 14) Salvar imagem em alta resolução

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (7 de 14) Salvar imagem em alta resolução

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (8 de 14) Salvar imagem em alta resolução

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (9 de 14) Salvar imagem em alta resolução

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (10 de 14) Salvar imagem em alta resolução

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (11 de 14) Salvar imagem em alta resolução

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (12 de 14) Salvar imagem em alta resolução

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (13 de 14) Salvar imagem em alta resolução

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (14 de 14) Salvar imagem em alta resolução

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 Salvar imagem em alta resolução

Longatto reforça luta ambiental de Sta Gertrudes em nome do Corumbataí


O vereador José Aparecido Longatto (PSDB), na manhã desta quinta-feira (9) se deslocou até a cidade de Santa Gertrudes, região de Rio Claro, para conferir in loco diversos pontos irregulares de lançamento de esgoto e de materiais tóxicos, provenientes de diversas cerâmicas, que são lançados à surdina, especialmente no período noturno, sendo que a consequência disto são córregos e riachos contaminados, com mortandade de peixes e outros agravantes ambientais em plena área de preservação permanente, no entorno do Jardim Bom Sucesso, final de rua Nossa Senhora das Dores e do mini distrito industrial, às margens da rodovia Washington Luiz.

Longatto colheu parte do material lançado nas águas do ribeirão Santa Gertrudes, afluente do ribeirão Claro, que desagua no rio Corumbataí, de onde Piracicaba capta a maior parte da água que abastece os piracicabanos. O material será enviado aos laboratórios da Bioagri, além do Semae (Serviço Municipal de Água e Esgoto de Piracicaba) e a empresa Águas da Mirante, para estudos e posterior encaminhamento aos orgãos fiscalizadores, como a Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo). 

Os vereadores de Santa Gertrudes, Levy Xavier Ferraz (PRB) e Alexandro Souza Vieira (PSC) acompanharam o trabalho de José Longatto no levantamento dos pontos problemáticos. Eles também apresentaram o teor de um ofício encaminhado à BRK Ambiental - parceria público privada que ganhou a concessão por 30 anos nos serviços de saneamento da cidade. 

No documento os parlamentares apontam a existência de um poço de visitas entupido lançando esgoto no Córrego Santa Gertrudes. "Sendo assim solicitamos providências afim de corrigir esta situação uma vez que o esgoto deve ser direcionado para o tratamento. Ficamos no aguardo de resposta e a solução do problema apresentado", reiteraram. 

O vereador Longatto concluiu suas observações reforçando a necessidade da população se mobilizar para garantir o passivo ambiental da região, que pode indiretamente afetar as cidades que compõem a bacia do rio Corumbataí. O parlamentar também informou que vai acionar equipes técnicas do Semae em Piracicaba para avaliar a situação ambiental da região. Além de reiterar a importância da realização de audiências públicas e outras discussões, além de envolver o Ministério Público na defesa ambiental. 

Os parlamentares também verificaram as instalações inacabadas de uma estação de tratamento de esgoto, no mini distrito industrial, que deveria estar em funcionamento para evitar o descarte irregular no ribeirão de Santa Gertrudes. Além de pontuar inúmeras caixas de inspeção que ainda requer uma melhor colocação para suprir a demanda da região, pois muitas estão em nível abaixo do terreno, o que tem provocado constantes entupimentos. 

 



Texto:  Martim Vieira - MTB 21.939
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343


Tópicos: Meio AmbienteJosé Longatto

Notícias relacionadas