PIRACICABA, SEGUNDA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2018 Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

23 DE ABRIL DE 2018

"Jardim Oriente na transição" tem primeiro encontro realizado


Curso refletiu sobre como engajar os jovens para as lutas do bairro.



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Assessoria parlamentar (1 de 6) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Assessoria parlamentar (2 de 6) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Assessoria parlamentar (3 de 6) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Assessoria parlamentar (4 de 6) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Assessoria parlamentar (5 de 6) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Assessoria parlamentar (6 de 6) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Assessoria parlamentar Salvar imagem em alta resolução


O curso "Jardim Oriente na transição”, promovido pelo Laboratório de Educação Política Ambiental OCA/USP, em parceria com a Escola do Legislativo e a Fast Food da Política e com o apoio de lideranças do Jardim Oriente, realizou neste sábado (21) o primeiro de quatro encontros, cujo tema foi "Agenda 21 no bairro".

Os eventos contam também com a participação e a colaboração do Conselho Municipal da Mulher e do Espaço Aberto/Brinquedoteca, da Associação Franciscana de Assistência Social Madre Cecília.

De acordo com a vereadora Nancy Thame (PSDB), diretora da Escola do Legislativo e integrante do grupo de trabalho "Pira na Transição", o objetivo do projeto é "avivar a identidade de lutas em políticas públicas ou projetos independentes na comunidade do bairro, por meio de processos educativos e colaborativos que levem a uma mudança de paradigma sobre a própria condição de morador do território".

Ela destacou ainda que a intervenção no bairro surgiu a partir dos processos educativos vivenciados no curso "Educação ambiental e transição para sociedades sustentáveis".

"Eu havia sido procurada pelo líder comunitário do Jardim Oriente Antônio Brioni Neto, que apresentou suas propostas para maior integração das diferentes gerações de moradores do bairro, a partir de encontros que tivessem como objetivo resgatar a memória e projetar melhorias futuras para o bairro. Assim apresentamos a proposta ao grupo de trabalho da OCA e, após uma série de reuniões realizadas em 2017, iniciamos a ação em 2018", enfatizou.

"Aqui no Jardim Oriente apostamos nas idéias e na participação dos moradores para solução dos problemas da comunidade, junto com o poder público", disse Antonio Brioni Neto. "Por isso, achamos importante a proposta do grupo da OCA e Escola do Legislativo em capacitar as lideranças através de curso e do resgate da história do bairro", finaliza.

Laís Ferraz de Camargo destaca que uma das propostas do curso é de que os alunos façam intervenções em seus territórios, propiciando que atuem como educadores ambientais em suas localidades.

"O bairro foi escolhido diante de uma demanda da comunidade para fortalecer e estruturar a associação dos moradores, bem como engajar os jovens para as lutas do bairro", salientou a educadora ambiental e integrante do grupo de trabalho "Pira na Transição".

O curso tem por objetivo resgatar a história da comunidade, estimulando e sensibilizando a população local quanto aos desafios que o bairro enfrenta. Irá propor a elaboração de uma agenda socioambiental, visando torná-la uma política pública da localidade. Por meio de processos educativos, divididos em três encontros, os participantes irão conhecer e vivenciar práticas de educação ambiental e política pública, possibilitando o engajamento do bairro para o enfrentamento dos problemas.

Os próximos encontros ocorrerão nos dias 5 e 26 de maio e 16 de junho.

A ESCOLA - A Escola do Legislativo da Câmara de Vereadores de Piracicaba foi criada pelo decreto 63/2014, de autoria do ex-vereador João Manoel dos Santos, e tem por objetivo a realização de ações voltadas à educação para a cidadania, difusão cultural, capacitação de agentes políticos e lideranças comunitárias, capacitação e atualização de corpo técnico, servidores e vereadores. Atualmente, é dirigida pela vereadora Nancy Thame (PSDB) e coordenada pelo diretor do Departamento de Documentação e Arquivo, Fábio Bragança.



Texto:  Assessoria parlamentar
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343
Revisão:  Redação


Tópicos: Escola do LegislativoNancy Thame

Notícias relacionadas