PIRACICABA, SEGUNDA-FEIRA, 18 DE NOVEMBRO DE 2019
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

08 DE NOVEMBRO DE 2019

Orador popular defende preservação do bairro Jardim Europa


Leonardo Bombo Biazon ocupou a tribuna da Câmara na 65a reunião ordinária, na noite desta quinta-feira (7)



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução





Morador do bairro Jardim Europa, Leonardo Bombo Biazon defendeu a preservação da região como estritamente residencial, rechaçando proposta de definir a avenida Suíça como “corredor comercial”, intenção que surgiu na tramitação do projeto de lei complementar 12/2019, do Executivo, o qual trata da revisão do PDDP (Plano Diretor de Desenvolvimento de Piracicaba). 

“Quando o loteador fez o bairro, pensou em uma área de jardins, uma região arborizada e que já conta com comércio no seu entorno”, disse Biazon, ao lembrar que, paralela à avenida Suíça, existe a avenida Carlos Botelho, onde existe ampla gama de serviços comerciais, como bancos, farmácias etc. 

Ele disse que a proposta de transformar a via em corredor comercial já é antiga e que, novamente, voltou à tona com a discussão da revisão do PDDP. “Por isso, resgatamos a associação do bairro, com o objetivo de preservar o perfil da região conforme foi estabelecida quando foi loteada”, acrescentou. Biazon defende que os proprietários devem ter o direito adquirido resguardado. 

Outra preocupação, segundo ele, é que a mudança da avenida Suíça para corredor comercial abre um precedente que pode afetar outras regiões da cidade, sobretudo bairros que são murados. 

“Piracicaba tem vários (loteamentos murados), a nossa identidade é a mesma, sendo a única diferença é que não temos muro. Uma das preocupações, além de proteger, é começar a abrir precedente em loteamentos fechados”, disse.



Texto:  Erich Vallim Vicente - MTB 40.337
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343
Imagens de TV:  TV Câmara


Tópicos: Tribuna Popular

Notícias relacionadas