PIRACICABA, QUARTA-FEIRA, 19 DE FEVEREIRO DE 2020
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

19 DE DEZEMBRO DE 2019

Grupo pede espaço comunitário no bairro Jardim Santa Rita


Eles reuniram-se, na tarde desta quinta-feira (19), com o vereador André Bandeira (PSDB).



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Guilherme Leite - MTB 21.401 (1 de 7) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Guilherme Leite - MTB 21.401 (2 de 7) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Guilherme Leite - MTB 21.401 (3 de 7) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Guilherme Leite - MTB 21.401 (4 de 7) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Guilherme Leite - MTB 21.401 (5 de 7) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Guilherme Leite - MTB 21.401 (6 de 7) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Guilherme Leite - MTB 21.401 (7 de 7) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Guilherme Leite - MTB 21.401 Salvar imagem em alta resolução


O vereador André Bandeira (PSDB) reuniu-se, na tarde desta quinta-feira (19), na Sala de Reunião da Presidência da Câmara, com um grupo de pessoas com deficiência para buscar uma solução sobre o uso de um espaço de recreação no bairro Jardim Santa Rita. A reclamação é que, concedido a uma associação, hoje o local deixou de ser frequentado devido a problemas criados por ex-presidente da entidade. Eles buscam uma solução com o parlamentar. 

“Há cerca de três anos, a então presidente da associação começou a criar alguns problemas, dificultando o uso do espaço, e agora ela não responde os nossos contatos para que possamos ter uma solução, por isso pedimos essa reunião com o vereador André Bandeira, para arrumarmos a situação”, disse Marcelo de Souza Santos, ex-vice-presidente da associação.

O espaço era compartilhado com um projeto de piscicultura desenvolvido como projeto de extensão da Unimep (Universidade Metodista de Piracicaba) e, agora, conforme relatos de moradores, está sendo utilizado pela ex-presidente da associação para fins particulares. “Vale lembrar que, lá no passado, o espaço chegou a ser concedido para a nossa entidade por 20 anos e esse acordo ainda está em vigência por cerca de mais 15 anos”, explicou Marcelo. 

A situação fica mais complicada por conta de que a maioria dos documentos que atestam o acordo de concessão do espaço, assim como as atas de reuniões com representantes do poder público, ou estão perdidas ou estão em posse da ex-presidente, dificultando, ainda mais, uma solução para o problema. 

André Bandeira (PSDB) disse que já entrou em contato com o secretário municipal de Defesa do Meio Ambiente, José Otávio Machado Mentem, responsável pela gestão do espaço vizinho à Lagoa do Santa Rita. “Ele me disse que não tem conhecimento sobre a concessão à associação, mas vamos verificar para conseguir uma resposta para que possa ser utilizado de maneira coletiva”, disse. 

O parlamentar lembrou que, caso não seja possível ocupar o mesmo espaço, já que a Prefeitura informou haver um novo projeto para o local, poderá buscar uma outra solução. “O meu objetivo é contribuir para proporcionar um espaço de lazer para pessoas com deficiência”, concluiu André Bandeira.



Texto:  Erich Vallim Vicente - MTB 40.337
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343


Tópicos: LegislativoAndré Bandeira

Notícias relacionadas