PIRACICABA, SEGUNDA-FEIRA, 9 DE DEZEMBRO DE 2019
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

21 DE OUTUBRO DE 2019

Câmara Digital: servidores e assessores recebem capacitação


A partir de 1º de novembro indicações serão 100% digitalizadas, de forma eletrônica, e enviadas ao Executivo sem o uso do papel impresso



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Sidney Jr (1 de 10) Salvar imagem em alta resolução

Câmara Digital: assessores e servidores recebem orientações sobre Siav

Câmara Digital: assessores e servidores recebem orientações sobre Siav
Foto: Sidney Jr (2 de 10) Salvar imagem em alta resolução

Câmara Digital: assessores e servidores recebem orientações sobre Siav

Câmara Digital: assessores e servidores recebem orientações sobre Siav
Foto: Sidney Jr (3 de 10) Salvar imagem em alta resolução

Câmara Digital: assessores e servidores recebem orientações sobre Siav

Câmara Digital: assessores e servidores recebem orientações sobre Siav
Foto: Sidney Jr (4 de 10) Salvar imagem em alta resolução

Câmara Digital: assessores e servidores recebem orientações sobre Siav

Câmara Digital: assessores e servidores recebem orientações sobre Siav
Foto: Sidney Jr (5 de 10) Salvar imagem em alta resolução

Solange Cristina

Solange Cristina
Foto: Sidney Jr (6 de 10) Salvar imagem em alta resolução

Sandro Silveira

Sandro Silveira
Foto: Sidney Jr (7 de 10) Salvar imagem em alta resolução

Sérgio Rolim, Daniel Batista

Sérgio Rolim, Daniel Batista
Foto: Sidney Jr (8 de 10) Salvar imagem em alta resolução

Daniel Batista

Daniel Batista
Foto: Sidney Jr (9 de 10) Salvar imagem em alta resolução

Fábio Dionísio

Fábio Dionísio
Foto: Sidney Jr (10 de 10) Salvar imagem em alta resolução

Nova tela do Siav

Nova tela do Siav
Foto: Sidney Jr Salvar imagem em alta resolução

Câmara Digital: assessores e servidores recebem orientações sobre Siav



Assessores e servidores, mediante o apoio de todos os departamentos da Câmara de Piracicaba já se preparam para o fim do uso de papéis na elaboração de indicações, que a partir do dia 1º de novembro deste ano deverão serem protocoladas diretamente no Siave (Sistema de Apoio aos Vereadores), no uso das mídias e das redes sociais, pelo uso da internet.

Para explicar o andamento da reversão deste processo, o analista de sistemas, da Sino Informática, que administra o Siav, acompanhado pelo assessor, Sérgio Rolim, utilizou as dependências do salão nobre Helly de Campos Melges, na manhá desta segunda-feira (21), às 9 horas, com foco em assessores e funcionários públicos diretamente envolvidos no processo de elaboração de documentos, primeiramente indicações a serem enviadas ao Executivo e, que devem ter assinatura eletrônica do vereador proponente da ação. 

Daniel Batista destacou a importância do sistema em integração com a prefeitura, que visa agilizar os trabalhos no envio de documentos, assinados digitalmente pela Câmara, na implantação do projeto Câmara Digital, sem papéis, de autoria de Gilmar Rotta (MDB). 

A ideia inicial é que todas as indicações da Câmara cheguem a um protocolo central na Prefeitura, que por sua vez também estará capacitada a fazer a devolutiva também de maneira digital, distribuindo todos os trâmites às secretarias responsáveis, onde as respostas serão repassadas à Câmara, ficando à disposição de todos. 

Daniel também considerou a complexidade do projeto, dado ao grande volume de materiais produzidos, nas mais de 100 indicações de parlamentares registradas por sessões. 

O técnico de processamento de dados da Câmara, do setor de informática, João Viccino, considera o grande volume de papel a ser economizado, em decorrência desta decisão da atual Mesa Diretora, por intermédio de Gilmar Rotta.

A consideração é que a empresa vai disponibilizar uma ferramenta que vai facilitar o envio de proposituras, iniciando pelas indicações, que deixarão de serem impressas, além de não mais precisar passar pelo protocolo central, onde cada gabinete fará o processo digital, que também possibilitará o anexo de fotos e demais informações, que serão encaminhadas ao setor Legislativo e, através de uma certificação digital encaminhará o documento ao Executivo. 

João também avalia que a nova sistemática não sobrecarregará o setor de informática da Câmara, visto que boa parte dos trabalhos ficará a cargo dos próprios gabinetes, que darão o ponta pé inicial, em uma ferramenta simples, que é praticamente o que faziam antes, sendo que hoje passarão a digitalizar os documentos. 

Fábio Dionísio, diretor do Departamento de Assuntos Legislativos, destacou a importância do projeto na Câmara, que irá anular e mitigar ao máximo o uso de papel, em relevante economia, além de contribuir para uma visão de sustentabilidade. 

Dionísio também pontuou a atenção redobrada a que os assessores terão que ter na elaboração dos documentos, que terão a chancela de cada parlamentar, além de reiterar que os departamentos da Câmara não farão mudanças em nada que os gabinetes produzirão, seguindo os modelos de padrões de documentos da Casa de Leis. 

Leia mais: 

Nº de indicações neste ano já é 60% do total protocolado em 2018



Texto:  Martim Vieira - MTB 21.939
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343


Tópicos: LegislativoAndré BandeiraAry Pedroso JrCarlos Gomes da SilvaCarlos CavalcanteDirceu AlvesJosé LongattoLaércio Trevisan JrPaulo HenriqueRonaldo MoschiniChico AlmeidaGilmar RottaMatheus ErlerPaulo CamposPedro KawaiPaulo SerraRerlison RezendeIsac SouzaJonson OliveiraAdriana NunesLair BragaNancy ThameMarcos AbdalaOsvaldo SchiavolinAldisa MarquesWagner OliveiraAntonio PadovanZezinho PereiraChico Roncato

Notícias relacionadas