PIRACICABA, QUINTA-FEIRA, 20 DE JUNHO DE 2019
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

08 DE MARÇO DE 2019

Vereadores prestigiam dois anos da Patrulha Maria da Penha


Presidente Gilmar Rotta parabenizou a atuação da Patrulha em dois anos de serviço.



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Gustavo Annunciato - MTB 58.557 (1 de 16) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Gustavo Annunciato - MTB 58.557 (2 de 16) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Gustavo Annunciato - MTB 58.557 (3 de 16) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Gustavo Annunciato - MTB 58.557 (4 de 16) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Gustavo Annunciato - MTB 58.557 (5 de 16) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Gustavo Annunciato - MTB 58.557 (6 de 16) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Gustavo Annunciato - MTB 58.557 (7 de 16) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Gustavo Annunciato - MTB 58.557 (8 de 16) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Gustavo Annunciato - MTB 58.557 (9 de 16) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Gustavo Annunciato - MTB 58.557 (10 de 16) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Gustavo Annunciato - MTB 58.557 (11 de 16) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Gustavo Annunciato - MTB 58.557 (12 de 16) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Gustavo Annunciato - MTB 58.557 (13 de 16) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Gustavo Annunciato - MTB 58.557 (14 de 16) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Gustavo Annunciato - MTB 58.557 (15 de 16) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Gustavo Annunciato - MTB 58.557 (16 de 16) Salvar imagem em alta resolução
Foto: Gustavo Annunciato - MTB 58.557 Salvar imagem em alta resolução


A Patrulha Maria da Penha, serviço implantado pela Prefeitura de Piracicaba para o combate à violência contra a mulher, comemorou nesta sexta-feira (8), na sede da Guarda Civil Municipal, dois anos de sua implantação. A solenidade contou com a presença do presidente da Câmara, Gilmar Rotta (MDB), do vice-presidente, Pedro Kawai (PSDB), da vereadora Nancy Thame (PSDB) e do prefeito Barjas Negri (PSDB).

Desde a criação, em 2017, até o mês passado, a GCM recebeu 705 medidas protetivas, realizou 17.080 rondas e prendeu 22 agressores em flagrante. As medidas protetivas determinam que os agressores mantenham distância da vítima, não ultrapassando um limite mínimo de aproximação. Cabe à equipe da Patrulha Maria da Penha, formada por oito guardas, monitorar essas vítimas 24 horas, em horários e dias alternados.

A ronda dos patrulheiros consiste em evitar que os agressores descumpram as medidas protetivas e ameacem ou agridam a vítima. Os guardas civis, antes de ingressarem nesse grupamento, passam por treinamentos específicos, que os capacita exclusivamente para o trabalho.

A atuação da Patrulha também consiste em entrevistas com essas mulheres, com a finalidade de encaminhá-las a serviços de apoio, como o Centro de Referência de Atendimento à Mulher e a Delegacia de Defesa da Mulher, e informar o Poder Judiciário no caso de o agressor descumprir a medida protetiva. Nesses locais, a vítima poderá contar com uma equipe multidisciplinar de profissionais de psicologia, assistência social e direito para oferecer suporte no sentido de auxiliá-la a sair do ciclo de violência em que está inserida.

Por meio de chamamento público, realizado pela Prefeitura, as vítimas contam também com o Centro de Integração da Mulher – Casa Abrigo Valquíria Rocha, em Sorocaba (SP), que acolhe essas mulheres.

A comandante da GCM, Lucineide Maciel, disse que a criação e os trabalhos realizados pela Patrulha refletiram no aumento da confiança das mulheres vítimas de agressão para denunciar os agressores. "Hoje comemoramos o Dia Internacional da Mulher e a Patrulha Maria da Penha existe para protegê-las. Felizmente, estamos progredindo no trabalho que realizamos", salientou a comandante.

Gilmar Rotta compareceu à cerimônia e parabenizou a Patrulha pelos dois anos de um trabalho que ele considera "fundamental para o município". "Defender as mulheres é um trabalho efetivo e forte. Agradeço o apoio da comandante Lucineide Maciel e da Guarda Civil Municipal à Câmara", disse o presidente da Câmara.

Barjas Negri elogiou os resultados alcançados pela Patrulha. "Foi possível visualizar o bom trabalho realizado na cidade. Ninguém tem o direito de molestar uma pessoa, criança ou mulher. Vamos lutar para tirar essas pessoas da rua", acrescentou.

Além dos certificados entregues aos integrantes da Patrulha, o evento lançou a campanha de março, intitulada "A força de uma é a força de todas", que pretende chamar a atenção do público para o debate sobre a violência doméstica e reforçar a necessidade de denunciar o agressor.

As denúncias de violência contra a mulher podem ser feitas pelos telefones 153 da Guarda Civil Municipal, 180 da central de atendimento à mulher em situação de violência e 3433-5878, da Delegacia de Defesa da Mulher, localizada na rua Alferes José Caetano, 1.018, no Centro.



Texto:  Raquel Soares
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343
Revisão:  Ricardo Vasques - MTB 49.918


Tópicos: MulherGilmar Rotta

Notícias relacionadas