PIRACICABA, QUARTA-FEIRA, 19 DE SETEMBRO DE 2018 Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

27 DE ABRIL DE 2018

Câmara sedia oficina para reaproveitamento de garrafas PET


Daniel Ferraz de Campos conduziu o evento, promovido pela Escola do Legislativo, nesta sexta-feira



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (1 de 13) Salvar imagem em alta resolução

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (2 de 13) Salvar imagem em alta resolução

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (3 de 13) Salvar imagem em alta resolução

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (4 de 13) Salvar imagem em alta resolução

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (5 de 13) Salvar imagem em alta resolução

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (6 de 13) Salvar imagem em alta resolução

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (7 de 13) Salvar imagem em alta resolução

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (8 de 13) Salvar imagem em alta resolução

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (9 de 13) Salvar imagem em alta resolução

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (10 de 13) Salvar imagem em alta resolução

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (11 de 13) Salvar imagem em alta resolução

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (12 de 13) Salvar imagem em alta resolução

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (13 de 13) Salvar imagem em alta resolução

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET
Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução

Daniel Ferraz de Campos trabalha há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET


A Câmara sediou a oficina de reciclagem artística e pedagógica, nesta sexta-feira (27), promovida pela Escola do Legislativo. O evento recebeu o técnico em química, Daniel Ferraz de Campos, que atua há 25 anos com o reaproveitamento de garrafas PET, para conduzir o debate.

Campos falou da importância da sustentabilidade. O também autor da exposição "Prevenir, reciclar e educar", de 2016, disse que seu objetivo é criar um grupo para produção em larga escala dos itens confeccionados. "Mas primeiro precisamos dar um valor ao produto", apontou.

Para vereadora Nancy Thame (PSDB), Diretora da Escola, "a oficina é muito oportuna", por conta de tantas embalagens que são produzidas pelas empresas. Ela citou como exemplo o consumo de leite, "antes a gente recebia naquela garrafas de vidro retornaveis", citou.

Todos objetos —vasos de planta, brinquedos, máscaras— são produzidos com garrafas PET. "Primeiro corto o fundo e o gargalo da garrafa", explicou. Depois Campos usa uma ferramenta criada por ele para fazer do cilíndro uma fita plástica, o processo também pode ser feito com uma tesoira, porém leva mais tempo.

"É um trabalho que usa mais o tato, sendo que até um deficiente visual pode ser inserido no processo de produção", alegou. O projeto também é o que Campos chama de "prevenir, planejar, reciclar". "Mas não é só a reciclagem da matéria-prima, é também de conhecimento", comentou.

O oficineiro permeava entre instruções de como construir um objeto e o recitar de poesias e canções, de própria autoria para o público presente no auditório do quarto andar do prédio anexo da Câmara. "Compor é trabalhar com a realidade, de uma maneira poética", disse.



Texto:  Lucas Lima
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343


Tópicos: Escola do LegislativoNancy Thame

Notícias relacionadas