PIRACICABA, TERÇA-FEIRA, 23 DE JULHO DE 2019
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

12 DE MARÇO DE 2019

Câmara mantém bandeiras a meio mastro em homenagem a Coutinho


Ex-jogador do Santos e da Seleção Brasileira faleceu, aos 75 anos, na noite desta segunda-feira (11)



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 (1 de 2) Salvar imagem em alta resolução

Bandeiras a meio mastro em homenagem ao falecimento de Coutinho

Bandeiras a meio mastro em homenagem ao falecimento de Coutinho
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 (2 de 2) Salvar imagem em alta resolução

Coutinho foi homenageado, em 2016, como título de Piracicabanus Praeclarus

Coutinho foi homenageado, em 2016, como título de Piracicabanus Praeclarus
Foto: Davi Negri - MTB 20.499 Salvar imagem em alta resolução

Coutinho foi homenageado, em 2016, como título de Piracicabanus Praeclarus






A Câmara de Vereadores de Piracicaba posicionou a meio mastro as bandeiras no pavilhão nacional, na entrada da Casa de Leis, em homenagem ao falecimento do ex-jogador Antônio Wilson Vieira Honório, o Coutinho, em decorrência de infarto no miocárdio em decorrência de diabetes e hipertensão arterial. O prefeito Barjas Negri decretou luto oficial de três dias na cidade. 

Piracicabano, atuou no Santos, no período mais vencedor do clube, nos anos 1960, e na Seleção Brasileira, sagrando-se campeão do mundo, no Chile, em 1962.

“Queria comunicar e solicitar que conste na ata dos trabalhos desta noite (...) o falecimento do nosso querido Coutinho, que fez parte do grande ataque do Santos”, disse o vereador Pedro Kawai (PSDB), vice-presidente da Mesa Diretora, na noite de segunda-feira (11), durante a 10ª reunião ordinária, após as primeiras notícias do falecimento serem veiculadas nos principais veículos de imprensa do País.

Kawai lembrou que Coutinho jogou ao lado de Dorval, Mengálvio, Pepe e Pelé, formando o time que levou o clube da Vila Belmiro a ser bicampeão da Copa Libertadores da América e do Mundial de Clubes, em 1962 e 1963. “Para quem gosta de futebol, já ouviu falar muito deste ataque dos sonhos”, relatou Kawai.

Em 2016, Coutinho recebeu o título de Piracicabanus Praeclarus, a mais alta honraria concedida pela Câmara a uma pessoa nascida na cidade, em iniciativa do ex-vereador Carlinhos Cavalcante. Na oportunidade, demonstrou a satisfação pelo reconhecimento na cidade natal. "Agradeço de coração a todos os piracicabanos que me ajudaram a alcançar meu objetivo, que era jogar futebol", disse. 

Considerado por muitos como o “gênio da área”, subtítulo da biografia do ex-jogador, escrita pelo jornalista Carlos Fernando Schinner, Coutinho teve uma carreira brilhante como atleta, sendo o terceiro maior artilheiro do Santos, com 370 gols assinalados em 457 jogos. Ficou atrás, apenas, de Pelé e Pepe. 

O corpo do ex-jogador foi velado no Salão de Mármore da Vila Belmiro, de onde seguirá para o Memorial Necrópole Ecumênica, em Santos.



Texto:  Erich Vallim Vicente - MTB 40.337
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343
Imagens de TV:  TV Câmara
Edição de TV:  Comunicação


Tópicos: Legislativo

Notícias relacionadas