PIRACICABA, SÁBADO, 19 DE OUTUBRO DE 2019
Aumentar tamanho da letra
Página inicial  /  Webmail

20 DE SETEMBRO DE 2019

André Bandeira pede auxílio de cidades em reivindicação por Rede Lucy


De autoria do vereador André Bandeira, a moção de apelo 163/2019 pede o apoio de cidades do Aglomerado Urbano e DRS-X



EM PIRACICABA (SP)  

Foto: Fabrice Desmonts - MTB 22.946 Salvar imagem em alta resolução

Propositura foi aprovada na 52ª reunião ordinária



Como forma de “somar forças em prol da Rede Lucy Montoro”, o vereador André Bandeira (PSDB) protocolou a moção de apelo 163/2019, às cidades do Aglomerado Urbano de Piracicaba e DRS-X (Departamento Regional de Saúde de Piracicaba), com pedido para que encaminhem moção de apelo ao governador do Estado de São Paulo, João Dória (PSDB), para solicitar a instalação de uma unidade da Rede de Reabilitação Lucy Montoro em Piracicaba. A moção foi aprovada nesta quinta-feira (12), na 52ª reunião ordinária.

A Rede de Reabilitação Lucy Montoro foi criada em 2008, para proporcionar o melhor e mais avançado tratamento de reabilitação para pacientes com deficiências físicas incapacitantes, motoras e sensório-motoras. A rede atua por meio de programas de reabilitação específicos, definidos de acordo com as características de cada paciente e equipes multidisciplinares, com profissionais especializados em reabilitação, como médicos fisiatras, enfermeiras, fisioterapeutas, nutricionistas, psicólogos, terapeutas ocupacionais, assistentes sociais, educadores físicos e fonoaudiólogos. Atualmente, possui unidades em funcionamento em todo o Estado e realiza mais de 100 mil atendimentos por mês.

Desde 2009, o vereador realiza ações pela instalação da rede, entre elas, o envio de moções de apelo aos governadores do Estado de São Paulo. Em 2018, o governador sinalizou que até o final de seu mandato seis unidades da Rede Lucy Montoro seriam construídas no interior de São Paulo, ou seja, Piracicaba poderia ser contemplada com uma delas. Na ocasião, o parlamentar encaminhou a moção de apelo 85/2019.

Além disso, André Bandeira promoveu reuniões este ano com o prefeito Barjas Negri (PSDB), o secretário municipal de saúde, Pedro Mello, a assessoria do deputado estadual Roberto Morais (CID), a secretária estadual dos direitos da pessoa com deficiência, Célia Leão, e com a senadora Mara Gabrilli (PSDB), com o objetivo de analisar tratativas para a implantação da unidade em Piracicaba.

No projeto, também serão atendidos pela unidade os moradores de Águas de São Pedro, Analândia, Araras, Capivari, Charqueada, Conchal, Corumbataí, Cordeirópolis, Elias Fausto, Engenheiro Coelho, Ipeúna, Iracemápolis, Itirapina, Laranjal Paulista, Leme, Limeira, Mombuca, Piracicaba, Pirassununga, Rafard, Rio Claro, Rio das Pedras, Saltinho, Santa Cruz da Conceição, Santa Gertrudes, Santa Maria da Serra e São Pedro. Juntos, estes municípios somam aproximadamente 1,5 milhão de habitantes (3,25% da população paulista), segundo estimativa do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), em 2018.

O parlamentar também criou um abaixo-assinado, que já está espalhado em empresas, igrejas, escolas, universidades, clubes, hospitais e unidades de saúde, estabelecimentos, clínicas de fisioterapia, entidades e associações, sindicatos, conselhos municipais (principalmente o Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência), cooperativas, prefeitura, entre outros. Também fez parte das ações a distribuição de panfletos e banners pela cidade, divulgação nas rádios, jornais, tv e redes sociais (Facebook, Instagram, digital influencers, WhatsApp, Twitter, e-mail, etc).

No dia 26 de agosto foi realizada uma audiência pública na Câmara de Vereadores de Piracicaba, na qual participaram autoridades de Piracicaba e de municípios que fazem parte do Aglomerado Urbano para discutir o assunto.

Na propositura, o vereador ressalta que Piracicaba tem condições de receber uma unidade da rede, visto que a cidade conta com o espaço do Hospital Regional, local que possui área disponível e atende 27 cidades da região do Aglomerado Urbano e DRS-X.

Além disso, André Bandeira destaque que Piracicaba possui cerca de 400 mil habitantes e dentre estes, 75.217 possuem algum tipo de deficiência, sendo 55.508 deficiência visual, 22.456 deficiência motora, 16.937 deficiência auditiva e 4.333 deficiência intelectual. Na soma das 27 cidades que constituem o Aglomerado que teria acesso a unidade, este número chega a 350 mil.

“É evidente que uma unidade da Rede de Reabilitação Lucy Montoro em Piracicaba beneficiará não somente o município, como também 27 cidades da região, o que possibilitará o atendimento da demanda de pacientes e garantirá o direito à saúde e à qualidade de vida de pessoas que tanto precisam de uma reabilitação de qualidade para que possam ser cada vez mais incluídas em nossa sociedade”, disse o vereador.



Texto:  Larissa Souza
Supervisão de Texto e Fotografia: Valéria Rodrigues - MTB 23.343
Revisão:  Rodrigo Alves - MTB 42.583


Tópicos: LegislativoAndré Bandeira

Notícias relacionadas